Estilo escandinavo - Sua busca por estilo termina agora.


O design escandinavo é apaixonante, impossível resistir a ele, tanto é assim, que alguns dos maiores designers são desta região do norte da Europa. É um estilo atemporal, ou seja, cai bem sempre, independente das tendências.

Ele tem um toque antigo, um ar vintage já que a simplicidade, linearidade e sobriedade dos móveis e acessórios lembram muito o estilo dos anos 50, época de linhas simples e design limpo. A ideia era dar atenção à forma, fazer com que o design fosse simples, funcional e que
resistisse a modismos/ tendências. E foi exatamente o que aconteceu!

Também consideram bastante a ergonomia e conforto, pois o bem estar e ambiente aconchegantes também são características do design escandinavo. Faz parte do estilo de vida "feel like home", não importa onde esteja, em um escritório ou em um espaço público, um ambiente escandinavote faz sentir em casa.


O tipo clean, sobriedade e requinte, o fazem  ser bem vindo em casas modernas, porém ele é facilmente adaptável e personalizável para que caia bem em qualquer tipo de construção.

Dentro do estilo existem variáveis, como o escandinavo mais clássico, aquele mais rústico e ainda aquele bem iluminado e minimalista.


Além dos móveis característicos, para se criar um ambiente com estilo escandinavo, pode-se também considerar estes outros elementos:

Cores

O branco é a principal cor do estilo escandinavo que sempre teve foco em clarear os ambientes. O branco se destaca como difusor e amplificador da claridade e luz natural.

Já o preto não pode faltar, em qualquer tonalidade, como um tom de contraste para ressaltar ainda mais a luminosidade.

O estilo é um pouco restrito em relação às cores, porém, se usadas em tons naturais e pasteis as cores são bem vindas, principalmente o rosa, azul turquesa, vermelho e amarelo. São incluídas principalmente nos acessórios que permitem uma gama de texturas e padrões bem ampla.

Os elementos para inserção de cores mais característicos estão relacionados com madeira, pedra, couro e também o verde na vegetação que também é muito presente no estilo.


Madeira

Junto com o branco e preto, a madeira também tem um papel importante já que é amplamente usada neste estilo. Escolha tons naturais e mais claros como por exemplo carvalho, nogueira, pinheiro, entre outras, podendo deixar à mostra as imperfeições e defeitos da madeira.

Use-a sem medo, no piso, cadeiras, mesas e até nas paredes e tetos.


A natureza tem seu espaço.

Sempre que for possível reserve pelo menos um cantinho para uma área verde para incrementar ainda mais o estilo escandinavo, já que um de seus princípios, além da integração com a natureza, também consideram a sua preservação.


A luz é o mais importante.

Como dito antes, a luz é muito importante, pois a escandinávia é uma região que passa muito tempo no escuro, então, os interiores das casas tinham que reforçar elementos que ajudassem a difundir a luz.

Assim as janelas sempre são grandes e com o mínimo de impedimento para a luz entrar, por isso, cortinas, se necessárias, são sempre leves e claras.

Da mesma forma, a iluminação artificial também era considerada e isso se reflete na quantidade de luminárias importantes e conhecidas que vem de designers da região. São tantas que vale um post só disso! ;)

Abaixo alguns exemplos de luminárias bem conhecidas de designers escandinavos

Hoje em dia, com as constantes mudanças, é muito comum misturar estilos. Com o escandinavo também é possível misturar (como visto, dentro dele mesmo existem variações) e como sua base é de formas simples, permite misturas com muito mais facilidade do que qualquer outro estilo!

Mais contemporâneo com as famosas cadeiras de Charles e Ray Eames
 Mais boêmio, shabby chic...
Um toque minimalista
Mix de escandinavo, moderno levemente rústico

Este estilo é chave para qualquer um que esteja na dúvida sobre o que gosta ou não, afinal não tem o que não gostar nele.  :)

Nenhum comentário